quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

Pra nunca mais



Ter ainda
um último beijo

Fazer amor
até saciar
o último desejo

E então partir
pra nunca mais...
Nunca mais...
Até amanhã
de manhã cedo

(Augusto Oliveira)

2 comentários:

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

Como sempre tudo muito bonito por aqui.
Só passei para dar um abraço


No entardecer,
o sol dança com a chuva
e um arco-íris
no horizonte tinge...
Espera a lua surgir
e entre as nuvens
uma estrela luzir.
Depois, a terra sorri
quando na noite escura
o céu clareia...
Um véu de estrelas
abraça a lua cheia...
O poeta fecha os olhos
e sente o poema
correr em suas veias.
A lua deita no mar
e o sol, novamente
beija a areia.

(Sirlei L. Passolongo)

Kiara Guedes disse...

como diz minha mãe qdo alguem de ressaca fala que nao vai mais beber: "daqui pra tras!"rs.
os loucos sempre prometem e prometem, só pra ter o prazer de quebrar as promessas.
Bjs, meus.

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.