segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

De mansinho...


Eu quis enganar a saudade
mas ela veio de noite
e me abraçou.

3 comentários:

Marcela disse...

.

Apois a minha me pega tb.
Tu acredita que sonho que só com coisas que nem penso acordada?
Saudades e coisas que não voltam mais, por exemplo ...
Aí adivinha?
Acordo com saudades!! kkkkkkkk

Beijos!

.

Alcinéa Cavalcante disse...

É... a saudade tem dessas peripécias.

Que todos os teus dias de 2009 tenham a beleza e a ternura da poesia.

Abraços

Flávia disse...

Saudade capciosa e arteira. Sempre apronta dessas.

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.