sexta-feira, 25 de setembro de 2009

É meu!!

Descobri ontem à noite, absolutamente por acaso, uma poesia minha (Fotografia) atribuída à Lya Luft em um blog. Não sei se é pra ficar chateada ou honrada, afinal quem me dera escrever como a Lya Luft, mas o fato é que o que é meu é meu, né...
Preenchi um cadastro super detalhado para poder deixar um comentário na página da moça, que espero que leia e atenda meu pedido de corrigir o equívoco. Como a postagem já é um tanto antiga (de junho deste ano), não sei se ainda é uma página ativa, nem sei se ela vai me atender...
Logo em seguida, ressabiada com o fato, busquei novamente um trecho da mesma poesia no no Google, e lá estava de novo a dita cuja utilizada sem qualquer crédito em outro lugar, na descrição do perfil da autora de outro blog. E agora cedo vi que a net está infestada de meus poemas com créditos indevidos ou, pior, sem crédito algum...
Descobri também que sou mais famosa do que pensava (rsrsrs), porque tem um monte de gente legal ilustrando seus sites com meus escritos devidamente identificados. A estes um obrigada especial, principalmente porque no meio de um dia conturbado ver que sou referência pra alguém me faz sentir muito bem. Àqueles que me mandaram e-mails preocupados em corrigir o erro eu agradeço também. Fiquei feliz com o retorno. Entretanto, há aqueles que continuam "me usando" sem sequer pagar meu cachê (rsrsrs). A esses, por favor, um pouco mais de decência.
Gente, juro que dá vontade de não escrever mais nada.

2 comentários:

wcastanheira disse...

Amiga, não fque tão magoada, qdo escrevemos ofertamos nossa idéia ao mundo, se alguém se apoderou do seu texto será talvez por falta de criatividade, crie mais, viva mais, deixe seus escritos preencher espaços, um pouco de nós viaja com o nosso texto, escreva, desabafe, ofereça-nos seu belo conteúdo, sou um grande admirador da sua página, os fracos são eles, os gigantes somos nós qdo doamos. bjso, bjos, bjoss

Lilian Dalledone disse...

Agradeço sua companhia sempre carinhosa e sua presteza em ser solidário.
Percebi que isso é muito mais forte do que eu pensava, achei um monte de postagens da mesma poesia sem o devido crédito...
Obrigada pela força.
Beijos.

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.