sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Fome





















Consumido pela fome
inesperada
afogas tua boca
em meu pescoço
enquanto as palavras escorrem
na madrugada quente
procurando algum sentido.

Não tem.

Um comentário:

Neli Alves disse...

Quanta inspiração! Lindo demais. Bjks

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.