sexta-feira, 22 de julho de 2011

Tem dias...




















Tem dias que eu amo demais
e deixo o amor esticar meus limites
até rasgar minhas defesas.

Amo tanto
que nem comporto
em meu peito estreito
a dor de não poder ser
várias
como antes.

E adormeço a angústia
recitando mantras que decorei
pra disfarçar meus medos
de ser tantas
em uma só.

Não sou mais
as mesmas.

3 comentários:

Neli Alves disse...

Cada dia os cochichos estão melhores. Tenho lido, mas nãoa tenho comentado, por absoluta falta de vontade de teclar. Ando triste, deprimida, angustiada.. não quero passar energias negativas para minha amigas. rsrs.
Bjks. Neli

Heidi disse...

Bom dia!Bom como sempre!!!!!!!!!!!!

Dani Oliveira disse...

Bom dia Lilica, estou adorando ler seus textos...uma delícia essa leitura. Parabéns!!

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.