sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Leminskiando...












Nada foi
feito o sonhado
mas foi bem-vindo
feito tudo
fosse lindo

(Paulo Leminski)

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Palavra...














Sigo às cegas
remexendo sentimentos
reinventando palavras
reconstruindo frases.

Tateio entre as rimas antigas
para encontrar
quem sabe
novos modos de dizer
te amo.

Sempre.

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Penumbra

























O passado que eu tentei enterrar
desnuda minhas identidades
como se não houvesse esconderijo possível.
Finjo-me desentendida
enquanto a mão boba do que já não está
levanta minhas vestes
e confere
possessivo
se algo em mim mudou
ou se ainda sou a mesma
trôpega de infelicidade
sorvendo as vidas alheias
pra alimentar meus sonhos.
Nunca consegui me esconder
de mim mesma.
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.